Projetos de Iluminação Pública Inteligente crescem 50% em dois anos no Brasil

Levantamento divulgado nesta terça-feira (22) pela Associação Brasileira das Concessionárias Privadas de Serviços de Iluminação Pública (ABCIP) mostra que o número de municípios brasileiros que recorreram às PPP’s para projetos de iluminação pública em 2020 cresceu 300%, saindo de 17 para 51.

O número de projetos na área saltou quase 50% nos últimos dois anos (em março de 2021 somavam 422), com cobertura de cerca de 33% dos pontos de luz do parque instalado no Brasil (quando contados os projetos implementados e aqueles em andamento).

Nos próximos 20 anos, as projeções de investimentos na área devem alcançar R$ 18 bilhões, com iniciativas para substituição das lâmpadas atuais por versões LED mais sustentáveis e com a implantação de sistemas inteligentes de Internet das Coisas para telemedição e telegestão dos pontos de luz.

Segundo Pedro Vicente Iacovino, diretor presidente da ABCIP, para cerca de 5,5 mil municípios brasileiros a iluminação pública ainda é um problema que fica nas mãos da prefeitura. Por essa razão, Iacovino defende que as concessões de PPP são uma forma de melhorar esse serviço e com uma solução de longo prazo:

“Teremos um investimento no curto prazo, de dois a três anos, modernizando toda a iluminação pública da cidade, e atendendo a demanda reprimida que existe nos municípios. Em seguida a gente entra em um regime de operação e manutenção no longo prazo”, explica Iacovino.

Motelight: solução inteligente para Iluminação Pública

Motelight é a solução end-to-end V2COM WEG Group para telegestão e telemedição da iluminação pública com tecnologia celular de alta escalabilidade.

Ao desenvolver tanto o hardware de comunicação quanto o sistema de telegestão e telemedição, a V2COM oferece uma solução completa de fácil instalação (plug and play), integrável, flexível, robusta e segura.

Entre as principais funcionalidades, a tecnologia permite controlar remotamente o acionamento das luminárias, com base em diferentes parâmetros, e ainda disponibiliza os valores de consumo através de medição embarcada.

Leia também:
Iluminação Pública é espinha dorsal das Smart Cities, afirma relatório

Os ganhos com a implantação da Iluminação Pública Inteligente são diversos, entre os quais destacam-se uma importante redução nas despesas municipais com energia elétrica e o aumento no índice de sustentabilidade e segurança das cidades.