Investimentos globais com Transformação Digital devem aumentar 17,9% este ano, aponta IDC

Os gastos globais com transformação digital alcançarão US$ 1,18 trilhão em 2019, aumento de 17,9% em relação a 2018, prevê a International Data Corporation (IDC). Os investimentos mundiais em tecnologia focada em “digital transformation” (DX, da sigla em inglês) totalizarão US$ 6 trilhões nos próximos quatro anos.

O crescimento acelerado de investimentos em tecnologia DX é esperado em todos os setores, com variação entre 15% e 20%. Segundo a IDC, Estados Unidos e China responderão por mais da metade dos gastos globais com transformação digital em 2019.

Globalmente, o setor que mais deve avançar é o financeiro, com uma taxa de crescimento anual nos investimentos de 20,4% entre 2017 e 2022. Já a manufatura discreta (US$ 221,6 bilhões) e a manufatura de processo (US$ 124,5 bilhões) serão as indústrias que mais investirão em transformação digital em 2019, com gastos direcionados a inteligência de processos, automatização e qualidade. 

Os serviços de transporte também aparecem na liderança, com esforços direcionados para a otimização da cadeia de suprimentos digital e para o gerenciamento de instalações. Uma alta esperada de 21,4% nos gastos em transformação digital, até 2020, fará com que indústria de serviços profissionais avance no transporte.

“Já está claro em nossa pesquisa que as empresas que investiram pesadamente em DX nos últimos 2-3 anos já estão colhendo as recompensas em termos de crescimento mais rápido de receita e lucros líquidos mais fortes em comparação com empresas atrasadas em iniciativas e investimentos em transformação digital”, avaliou Craig Simpson, gerente de pesquisa do grupo Customer Insights & Analysis da IDC.

Em 2019, as iniciativas que receberão os maiores investimentos para apoiar os programas de Transformação Digital serão operações autonômicas (US$ 52 bilhões), manufatura robótica (US$ 45 bilhões), gerenciamento de frete (US$ 41 bilhões) e análise da causa raiz (US$ 35 bilhões). Considerando o período da previsão entre 2018-2022, as áreas que atrairão os maiores gastos serão laboratórios virtualizados (aumento de 108,6%), visualização digital (alta de 53,5%) e gerenciamento de design aumentado (avanço 43,9%).

No que diz respeito a tecnologias, os investimentos em hardware e serviços responderão por mais de 75% de todos os gastos com transformação digital, em 2019. Só com softwares, os investimentos devem totalizar US $ 253 bilhões.

No período, as categorias de tecnologia que mais crescem serão IaaS (35,9%), software de desenvolvimento e implantação de aplicativos (26,7%) e serviços comerciais (26,5%). Em serviços, os gastos são liderados por serviços de TI (US$ 154 bilhões) e serviços de conectividade (US$ 102 bilhões). Já os investimentos em hardware serão distribuídos em hardware corporativo, dispositivos pessoais e infraestrutura de IaaS.

Fonte: CIO

0 Partilhas